02 setembro 2007

Livros: As novas aquisições para a M.


Estes foram os livros que a M. recebeu pelo aniversário. Ela gosta imenso de livros e adora que lhe contemos histórias. Então, nada melhor do que usar a literatura para lhe ensinar valores e lhe dar alguns ralhetes dissimulados e espero que melhor assimiláveis.
O "Vitória, Vitória!" é um livro de actividades de educação pré-escolar. Ela gosta imenso destas coisas enquanto é hora de explorar, ver e ouvir as historinhas, mas na hora de desenhar e escrever chega a senhora dona preguiça. E que preguiça!!!
Só a deixamos avançar lição a lição e nem mesmo os autocolantes de lições mais avançadas a fazem terminar o desenho das férias, proposto numa das primeiras páginas, que começou e despachou com meia dúzia de rabiscos mal aviados. Quando o pai lhe perguntou onde estavam as pessoas da praia que ela não tinha desenhado, ela respondeu com muita atitude: "- Chegaram todos atrasados e já não ficaram no meu desenho!".
Quer porque quer começar pelas lições que têm autocolantes para colar. Adivinha-se uma bela batalha para durar os anos escolares que se lhe afiguram pela frente!
Ufa!... Deixa-me cá reunir forças!...

Também estivemos a decorar (com autocolantes do Winnie the Pooh) um dossier para ser o portfólio da M.. De seguida quis logo fazer desenhos para lá pôr. Mas foi tão trapalhona, na sua pressa de fazer muitos e mal feitos, que nenhum deles foi premiado com a honra de lá figurar.

3 comentários:

* birrinhas * disse...

Tenho um miminho para ti no meu blog. =D Este tinha mesmo que passar-te. =P

Beijinhos ***

Blog do Atelier da Jô disse...

Ola, tudo bem por aqui também?
Acabei mesmo de postar e ainda tava a ajustar quando comentas te, lol.
Obrigada mais uma vez pelos elogios e deixa la que aqui também não páras né?!
Beijinhos

miquinhas disse...

Muito parecida a uma "formiguinha" que eu tenho cá por casa. Já disse uma vez à professora dela que vou continuar a insistir no que toca às artes porque esse é o meu dever enquanto mãe e encarregada de educação. Mas quer-me parecer que a pequena não tem mesmo jeito para os traços. Um dia teve de fazer um desenho. Em segundos rabiscou uns traços e disse-me que era um quadro abstracto. Palavras para quê?

Related Posts Widget for Blogs by LinkWithin