22 abril 2009

os sacos dos "hipers"



No Dia da Terra (Earth Day) tinha que trazer um tema ecológico. E, como tal, resolvi falar-vos de um tema que me parece mais uma incongruência das tantas (demasiadas) que há neste país. Ainda hoje recebi mais uma vez este mail.
Hoje, e cada vez mais, a ecologia é assunto do dia. Os sacos plásticos grátis nos hiper -mercados, por consequência, também o são. Há alguns “hipers” que andam a avaliar a hipótese de deixarem de “oferecer” sacos para as compras dos seus clientes. Outros, nalgumas caixas “oferecem-nos”, noutras supostamente ecológicas, não.
Eu adoro a ideia de levar o saquinho de pano a passear às compras. Até há uns bem discretos e até algo másculos, acrescentaria eu, para os homens, para que não se sintam constrangidos com um saquinho de pano às compras. Mas planeta, tu desculpa-me a falta de sensibilidade (e quando digo planeta refiro-me a mim própria, aos que me são próximos, afastados, e até aos desconhecidos), mas não vejo com muito bons olhos enfiar uma garrafa de azeite, óleo, alguma bebida, detergentes líquidos, no meu saquinho bonitinho, que até dá para lavar (ok!), mas muito menos me estou a ver a misturar frescos com os detergentes e o pão e sei lá mais o quê naqueles outros sacos, grandes, impermeáveis, que se vendem nas grandes superfícies. Até já comprei um mas de tão grande acaba por não me dar jeito nenhum. Acaba por ter uso com a roupa saída do estendal.
Bom, mas já repararam certamente que alguns “hipers” estão a começar a cobrar os sacos que forneciam gratuitamente aos seus cliente. E também já devem ter reparado que na maioria dos hiper-mercados os sacos dizem ser 100% degradáveis. Alguns dos “hipers” que ou já começaram a vender os sacos ou os querem começar a vender, são exactamente os mesmo onde os sacos já são supostamente feitos à base de milho e por isso totalmente biodegradáveis. Agora levanta-se-me uma outra questão: se se degradam em pouco tempo (penso que nuns dois anos, parece que foi o que ouvi dizer) então a questão do plástico acumulado nas lixeiras do mundo não se põe. Qual é agora o motivo de quererem vender os sacos. Não me vão dizer que estes não são já mais do que pagos pelos clientes, pois não?

13 comentários:

Joanita disse...

Sobre este assunto a minha opinião é que TODOS os sacos deveriam ser pagos. Pois a maioria das pessoas abusa nos sacos que leva para casa, e para quê?

Há muita gente que mete um pacote de manteiga num saco, um pacote de bolachas noutro, arroz noutro, etc etc e tal. Eu então se poder passar sem trazer saco nenhum, é o que faço!

*Joanita

Ana Rodrigues disse...

Olá!
Tb selecciono os produtos a pôr nos sacos... nem pensar em misturar!
Mas faço os possiveis p/ trazer só os real/te indispensáveis... que utilizo p/ o caixote do lixo...
Eles real/te já estão mais que pagos... mas... dando o beneficio da dúvida... ñ será uma maneira de haver menos aproveitadores?
È que nestas "histórias" quase sempre paga o justo pelo pecador... e à pessoas que se "empanturram" de sacos...
Já vi nas Feiras serem utilizados sacos de Hipermercados...
Bjs e continua c/ estes alertas!
Mexer nas consciências... faz bem!
Activa a circulação nos neurónios... hehehe

APO (Bem-Trapilho) disse...

ui ... os aproveitadores dão-me sempre a volta ao estômago! em feiras??? ai meu Deus! eu tinha era vergonha, mas enfim!...
eu sinceramente acho que é mais uma chulice dos supermercados, mas é um facto que há sempre quem tenha mais olhos que barrigas nestas coisas como em todas. no entanto penso que esta maneira de pensar esta a mudar a pouco e pouco. acho que vem de uma época em que o povo não tinha praticamente nada, então agora tudo o que é supostamente grátis as pessoas empanturram-se! mas acho que isso já não se vê nas gerações mais novas (tipo a nossa e mais novos). Acho que já começamos a ter uma consciência mais ecologista. a pouco e pouco isto muda. A mentalidade dos homens de negócios a quererem ter lucros exorbitantes em tudo é que parece não mudar nunca.

APO (Bem-Trapilho) disse...

ahh e escusado será dizer que tb só trago os estritamente necessários e aqui tb os reutilizamos para o lixo, para a reciclagem, etc.. mas para o lixo sao excelentes (os do modelo e continente) pois têm a medida certa para o meu caixote.

Ana Rodrigues disse...

Voltei...
As feiras onde vi são Azeitão... Pinhal Novo...
O Homem e o seu desejo de poder através do dinheiro... enfim...
Bjs

Ana Rodrigues disse...

Voltei...
As feiras onde vi são Azeitão... Pinhal Novo...
O Homem e o seu desejo de poder através do dinheiro... enfim...
Bjs

artes_romao disse...

boa atrde,td bem?
é verdade o k dizes...
pk até ja existem alguns hipermercados a k pagamos os sacos a 4 cent...
por causa da publicidade, pelo k ouvi dizer uma certa altura...
mas eu tb tento usar ao máximo, na reciclagem...
so akeles k vem com carne ou peixe e k deito fora,de resto sao bem aproveitados.
fika bem,jinhos***

Faniquito disse...

Oii amiga consciente !!!

Pois é ...este assunto me "irrita".Aqui pertinho de minha casa tem um hiper que é extremamente abusado ( prá dizer o minímo:)Eles somem com as sacolas...e se vc quiser , eles dão aquelas bem pequenas que não cabem nada.Então , vc acaba por usar um montão.Eu fico indignada, já reclamei à beça... pois essa medida não tem nada a ver com ecologia e sim com uma maneira a mais de diminuir custos.Isso sem esquecer que já está embutido nos preços.Eu levo umas sacolas de nylon, mas sempre pego as de plástico prá guardar os que não posso misturar(esses que vc citou).
E o pior, é que o povo ainda acha bom...e pensa que tá fazendo um bonito papel.Se é pelo planeta, prá que continua usando de plástico e... menor?!?Assim não dá.

Desculpa, se me empolguei, mas vc vc que começou o assunto.:)

Beijinhos

Ana

P.S.: E sacos plásticos prá lixo...continuam a ser vendidos no supermercado.Qual a lógica?!?

Pronto... vou parar!!!!

FazendoArte disse...

Oi
Muito legal sua postagem!
aqui as sacolas plásticas são um grande problema.
e as de milho são muito caras e por isto quase nenhum hiper usa.
esses dias vi uma ecobag de reaproveitamento de guarda-chuvas
fica bem discreta e não faz volume para se carregar na bolsa.

bjs do Brasil

Porcelain Doll disse...

Para dizer a verdade, não os percebo... por que é que eles não começam por dizer às funcionárias que estão nas caixas, quando vão ajudar os clientes a pôr as compras nos sacos para não porem uma coisa em cada saco?? :-P seria um bom começo... :-S


Bjoka!!

Célia Jordão Alves disse...

Pois eu levo sempre os meus sacos reutilizáveis comigo. E às vezes lá trago um ou dois do hiper para pôr as fraldas da "piquena" no lixo. Os da carne e do peixe uso para colocar as cascas das batatas e restos de vegetais quando estou a cozinhar e assim não ficarem a deitr cheiro dentro do balde.
Não me custa nada misturar os produtos nos sacos. Está tudo embalado! E às vezes até demasiado embalado que só faz é mais desperdício...
Eu acho que os sacos deviam ser TODOS pagos.

Aproveito também para dizer que gostei muito das reciclagens que mostras acima. Estão o máximo!
beijinhos

APO (Bem-Trapilho) disse...

Acredita que já são TODOS pagos. Não vás em conversa de grande homem/mulher de negócios, coitadinhos, sempre muito aflitos com a crise (mesmo quando não estamos em crise) e sempre quase sem lucro!!! E são pagos inclusivamente por quem não leva nenhum.
Mas ocorreu-me agora uma ideia que acho mais justa: porque não fazerem um desconto adicional a quem não trouxer sacos? Seria um desconto equivalente ao que já pagamos pelos sacos que eles "dão", não peço mais do que isso. ;o)

Célia Jordão Alves disse...

A ideia é interessante. Mas mesmo assim, como o desconto seria mínimo, acho que o ter que pagar resulta melhor como dissuasor que o desconto. É uma questão de hábito. Não precisamos da maior parte dos sacos de plástico que utilizamos. E não está em causa quemos paga, como os paga e a quanto os paga. Deviam ser proibidos! Pronto! Quem vai às compras leva o seu.
E a mesma coisa para os de papel apesar de não levarem tanto tempo a degradarem-se.

Related Posts Widget for Blogs by LinkWithin