03 abril 2008

a ermida # the chapel


Ermida de Santo Amaro. (imagem)
Andava eu ontem a visitar blogues e cruzei-me com uma foto que me fez lembrar deste lugar.
Sítio que não cruzo há muito e onde fui tão feliz (parafraseando o Malato). Bem, não o cruzo assim há tanto tempo como a data desta foto que é de 1940! :)
Santo Amaro's chapel.
Yesterday I was visiting blogs and I came across a photo that made remind me of this place. A spot that I don't visit a long ago and where I was so happy (to paraphrase Malato). Well, I do not go there as long as the date of this picture that is of 1940! :)

Aqui uma outra perspectiva da dita capela, desenhada por Eduardo Salavisa que mantém este interessante diário gráfico em forma de blog.
Here another perspective of that chapel, designed by Eduardo Salavisa that keeps this interesting graphic diary in the form of a blog.

Mas é esta a visão que me é mais familiar. Tenho pena de só ter encontrado esta imagem. Tenho algures um postal lindíssimo, mas não sei onde.
Era este pórtico que me fascinava. De costas para a capela ficava horas por aqui, ora sentada num dos bancos, ora no muro, ora só a passear, ora sozinha, ora acompanhada. Lá ao fundo podem ver-se os pilares da Ponte 25 de Abril.
But this is the vision that is most familiar to me. I am sorry to have found just this image. I have somewhere a beautiful postcard, but I do not know where.
This was the portico that fascinated me. With my back turned to the chapel I'd spend hours here, sometimes sitting in one of the banks, sometimes in the wall, sometimes just walking, sometimes alone, sometimes with company. In the background you can see the pillars of the 25 de Abril's Bridge.

De costas para a capela, mal eu sonhava o que lá havia dentro: lindíssimos painéis de azulejos do século XVII-XVIII. Mais informação aqui.
Nessa altura estava sempre fechada e, ao que julgo saber, agora abre às Segundas-feiras.
With my back turned to the chapel, I couldn't dream what there was inside: beautiful panels of tiles of century XVII-XVIII. More information here.
Then it was always closed and, from what I know, now opens on Mondays.

Aqui à porta, que deixa muita vontade de entrar.
Here at the door, which leaves much willingness to enter.

As fotos assinadas por Catedral foram retiradas daqui.
The photos signed by Catedral were taken from here.

Esta era a imagem que me ficava nas costas enquanto me perdia em pensamentos virada para o tal pórtico.
As imagens não são muito esclarecedoras, mas também o chão aqui é lindíssimo em calçada portuguesa.
This was the image that stood on my back while I was lost in such thoughts turn to the doorway.
The images don't shou properly, but also the ground here is beautiful in Portuguese sidewalk.

10 comentários:

Vanessa Guerra disse...

é tao boa a sensação de arrepio que nos dá quando uma imagem de algo nos transporta para um momento longuinquo de felicidade... beijinhos amiga

bett/ disse...

impresionante gracias por mostrarnos tan bellos lugares

Serões da Inês disse...

Olá linda,
e onde é que se pode visitar esta beleza toda?
Beijinhos e um óptimo fim de semana.
Inês

loly disse...

Gracias por visitar mi blog.!!!
El tuyo es muy interesante!11
Precioso el video de Royal de Luxe -"Collage"(maravillosa la espresión de la niña)
Saludos desde Lanzarote
loly

Juca disse...

Olá minha queriduxa,

:(((( Ohhhh pra mim triste pq ainda não é desta!

Quero tanto conhecer-te pessoalmente, conversar um pouco contigo! Enfim... como se diz melhores dias virão!

Estas imagens são lindaaaaaas! e de facto tenho que concordar com a Lia (Cor de Mel) na homenagem que te faz... tu és um poço de cultura miuda!

Adoro visitar o teu blog... aprendo todos os dias um bocadinho!

;) Beijokinhas

patwork disse...

Olá,
Uma amiga minha casou aqui! Lugar lindíssimo. O casamento ( união) é que não foi tão lindo, pois já se separaram...
Bj Patrícia

Anya disse...

Que bonita construção! Há sitios que nos marcam para sempre =)

Um grande beijo pa ti minha abobrinha =)

Gosto-te!

magsan disse...

olá :O)
Adorei esta postagem, principalmente porque conheço o local, e é deveras bonito, o meu marido é de Alcantara, aliás os meus sogros vivem lá, muito perto da ermida...é um sitio lindo, pela vista e pela cultura também, bjinhos ;O)

Lenita Boneca de Porcelana disse...

Gostaste do texto do impressionantes impressões??? Escrevi-o com muito gosto, talvez por isso tenha saído assim bem!!! Ih, ih, ih, o Freddy Mercury era um cromo chato, não era, coitadinho?? Opá, mas eu realmente sempre o achei muito autêntico, muito ele próprio... há músicas dele que eu adoro, como aquela do homem invisível e assim umas malucas... eh, eh, eh, deixa lá os desafios... lembra-te: só quando te apetecer!! Que assim é que vale e assim sai tudo muito melhor!!

Olha, esta ermida é maravilhosa... nem acredito que estive em Beja e não a visitei!! Não a conhecia!! Obrigada por a mostrares, da próxima vez que lá for, não me vou esquecer!!!

Bjooookaaa!!!

Cor de Mel disse...

Que imagens lindas, amiga!!
Eu conheço o local e adoro esta ermida!!
Quanto aos painéis de azulejos, adoro, tudo o que tenha a ver com azulejos, pois acho uma arte fantástica, assim como a NOSSA calçada portuguesa. Somos "pobres", mas muito ricos em cultura...
Beijocas,
Lia.

Related Posts Widget for Blogs by LinkWithin