22 setembro 2010

coisas simples



Uma tigela voltada e simples formas recortadas, fazem as delícias dos pequenos.
Aqui há tempos, contei "A Maior Flor do Mundo", na Biblioteca. Registei aqui essa sessão, mas ainda não tinha imagens dos artefactos que produzi para o efeito. Aproveitei a ideia do próprio autor, que nos diz que o monte parecia uma tigela voltada. Depois, surgiu o menino que encontrou a flor murcha. Andou, andou, andou, monte acima, monte abaixo, do rio à flor, da flor ao rio, chegando-lhe com algumas gotinhas apenas, a cada viagem.




Algum tempo mais tarde, já se via a flor a arrebitar. E o menino adormeceu de tão cansado.
Reza a história que a flor terá coberto o menino com uma folha de todas as cores do arco-íris, em agradecimento por ele a ter salvo.
Uma forma simples e económica de dar aos meninos uma versão 3D do conto.



*_*

Só mais uma coisinha que eu queria anotar para a posteridade. Fico tão orgulhosa da minha princesa sempre que algo do género acontece. Não sei se sabem, mas a M. é de uma generosidade absolutamente genuína. Gosta particularmente de fazer os outros felizes. Ao que parece a professora nova disse que partiu a sua joaninha de mandar calar os meninos. Parece que batia com ela na secretária e assim não tinha que gritar para mandar silenciar a criançada, sempre que necessário. A M. calou-se bem caladinha, para poder fazer a surpresa, mas começou logo a magicar comprar uma joaninha que viu há dias na STAPLES, para oferecer à professora. Assim que saiu da escola, não mais se calou, que queria ir à STAPLES e que queria ir à STAPLES. Quando lá chegámos é que eu percebi o que ela queria fazer. "-Mas sou eu que pago com a minha semanada, está bem?" Eu assenti, pois percebi o quão importante era ser ela própria a oferecer a joaninha à professora. Mal saímos da STAPLES só a ouvi dizer: "-Estou feliz!". :) E eu fiquei também... e muitoooo! :)

3 comentários:

Anita disse...

Tens sempre ideias fantásticas, adorei a originalidade =)

E a M. tem um bom coração, dá para se sentir aqui de longe, que bom, que assim seja sempre...que as amarguras da vida não a façam mudar!

Beijinho*

inamora disse...

Olá!
Os workshops foram muito giros. O LF participou no da manhã e gostou bastante, principalmente porque aprendeu coisas novas!
Talvez se voltem a fazer para o ano!
Bjs
Bom fim de semana!

Lilá(s) disse...

Adoro esse video, tenho-o guardado para explorar bem numa aula de formação civica.
Bjs

Related Posts Widget for Blogs by LinkWithin