18 agosto 2010

de volta...



De regresso às bibliotecas, ouviu-se "A Maior Flor do Mundo" de José Saramago numa e "Chiu!" de Mafalda Milhões na Biblioteca de Jardim. Do "Chiu!", desta vez, não tenho imagens para vos mostrar. Revejam o que aconteceu na outra sessão do "Chiu!". Esta foi sensivelmente igual.
Mas do atelier sobre "A Maior Flor do Mundo" trouxe belas amostras da criatividade dos meninos. (Vejam aqui mais sobre este livro e aqui a história em filme.)
A proposta era recontar a história através de desenho, texto, palavras, enfim... expressarem-se como lhes apetecesse. A escolha caiu invariavelmente na expressão plástica. É, sem dúvida, o que estes meninos mais gostam de fazer.

Houve quem misturasse técnicas resultando numa criativa e original forma de ilustrar...



Houve quem recriasse uma das ilustrações (de João Caetano) do livro...



Um pequenino mostrou muita vontade de desenhar. E que expressivos são os desenhos que produziu! ...



Meninos de idades distintas, ilustraram o mesmo conto com estilos bem diferentes. Gostei de ver que não copiaram as ideias uns dos outros. Em vez disso, todos foram muito espontâneos e originais.

7 comentários:

Gertrudes disse...

Olá
Mãe maravilhosa, a Maria é uma menina com muita sorte, ainda bem,
o meu neto esteve a ver os meninos na biblioteca e os desenhos, ficou encantado, obrigado por compartilhar
connosco, o seu trabalho com as crianças é lindo, parabéns.
Beijinhos.
Um xicoração para a sua filhota

xunandinha disse...

Adoro bibliotecas agora vou aproveitar e vou visitar a da Chamusca,gostei imenso da técnica utilizada nos desenhos,beijinhos meus e da J para as duas.

Joanita disse...

Estas actividades para o incentivo à leitura são tão importantes!!!

Kiss!

Mena disse...

Olá!
Que bom é ir à Biblioteca, o mundo dos livros.
Bj
Mena

Chocolate disse...

q trabalhinhos tão giros! beijinhos e bom fim de semana!

Anita disse...

Mais uma bela tarde especial :)

Deixo beijinhos*

Anónimo disse...

Este é um recurso tão útil maravilhosa que você está fornecendo e dá-lo livre ausente da carga. Eu adoro ver sites que compreendem o valor de fornecer um recurso útil qualidade gratuitamente. É a velha que vai, volta do programa.

Related Posts Widget for Blogs by LinkWithin