08 junho 2010

A Árvore Generosa



O tempo primaveril, o final do ano lectivo e outras tarefas acrescidas à minha rotina habitual, são os responsáveis pela notória menor presença por aqui. A quem me conhece melhor poderá parecer que o blog está meio abandonado. Realmente, às horas que tenho conseguido vir até ao computador, já não costumo ter os neurónios suficientemente acordados para postar. Por isso, hoje tirei um tempinho pela manhã para o fazer.
Das mil e uma coisas que têm preenchido os meus dias, destaco a dinamização/representação do conto A Árvore Generosa de Shel Silverstein. Fizémo-la na Quinta do Conde e em Sesimbra. Acho que não tenho jeito nenhum para a representação, mas pelos miúdos fi-lo. Apesar disso acho que correu muito bem, pois a I., minha parceira nestas andanças, está como peixe na água. Eu diverti-me a interpretar uma árvore que dá tudo ao menino que tanto ama, para que ele seja feliz. No final, já toco, mesmo assim estava feliz, pois ainda podia proporcionar o descanso tão apreciado pelo menino, que agora tinha crescido e já era homem velho.
As fotos são da autoria da M..



5 comentários:

VERONICA disse...

Ola,bem essa árvore esta muito girraça,parabéns. Beijinhos

Anita disse...

É sempre bom ter novas experiências :) Boa!

Beijinho*

Ti Coelha disse...

Olha que árvore tão engraçada... ;D

Meus Netos...Minha Fortuna!!! disse...

Querida Paulinha

Peço desculps, mas tem de ser um bocadinho á pressa!

Acabei de te enviar um mail, com aquilo que me pediste.
Se por acso não receberes o mail ou não conseguires o que queres, por favor avisa-me, tá?
Há sempre uma solução para tudo!
Bons trabalhos
Beijinho com carinho
Vóvó Cassilda

Teresa disse...

a árvore generosa... uma história linda!!!!!

Related Posts Widget for Blogs by LinkWithin